Antigo edifício da Segurança Social dá lugar a futuras instalações municipais

Inicia, no dia 19 de outubro, a empreitada de adaptação do antigo edifício da Segurança Social a futuras instalações municipais, pelo valor aproximado de 200 mil euros.

Datado de 1781, este espaço foi alvo de diversas obras, ao longo do último século, as quais contribuíram para a descaraterização do seu interior, dada a introdução de um conjunto de elementos, processos e técnicas de construção não compatíveis com a construção original, nem com a tipologia morfológica.

A proposta de intervenção apresenta uma solução que preconiza a instalação de serviços técnicos, no 1.º andar, destinando-se o rés-do-chão à receção, a sala para atendimento/reuniões e arquivo.

Foi equacionada também a possibilidade deste edifício servir para entrada de visitantes na Igreja das Ondas.

Relativamente ao 2.º andar (sótão), será criada uma área de arrumos, tendo em conta que o mesmo não reúne as condições necessárias à sua utilização como espaço de trabalho.

O acesso ao edifício, por utilizadores em cadeira de rodas, será garantido pela Rua D. Marcelino Franco, onde se procederá à modelação ligeira do passeio.

Prevê-se que a obra tenha um prazo de execução de 18 meses.

 

Tags: