Transcrições documentais

Transcrição do traslado da Crónica de D. Paio Peres Correia

O Arquivo Municipal de Tavira reconhecendo o interesse que este documento suscita e já manifestado por vários autores, procedeu à transcrição da “Crónica de como D. Paio Correia, mestre de Santiago de Castela tomou este reino do Algarve aos mouros”.

Encontra-se este documento trasladado nos fólios 3 a 9 do “Livro de Registo ou Reforma dos Tomos da Câmara, Livro 1º”, de 1733, existente neste Arquivo Municipal. É desconhecido o paradeiro do seu original e este documento prima pela ausência de referências a datas, seja da própria crónica, seja a data do respetivo traslado, facto já assinalado por Fr. Joaquim de Santo Agostinho em 1788, quando a publicou na obra Memorias de litteratura portugueza (6). Não obstante o facto de ser anónima e não se encontrar datada, Alexandre Herculano considerou que por ter sido “impressa n’uma obra que não é rara”, não devia ser ignorada na Portugaliae Monumenta Historica (4).

Não se pretende substituir outras transcrições feitas por tão ilustres investigadores, mas sendo o Arquivo Municipal de Tavira o guardião de um traslado importante para a história do Algarve, faz-nos de todo sentido a divulgação da sua transcrição.

Como é referido na transcrição, esta foi feita seguindo a originalidade da crónica, mantendo-se a mesma ortografia, pontuação, acentuação e arcaísmos, com o desdobramento das abreviaturas.

Para visualizar e/ou descarregar o ficheiro da transcrição da Crónica, carregue aqui.

 

Recursos bibliográficos online recomendados:

(1)  BRANCO, Branco, “Verdade factual e verdade simbólica na «Crónica da Conquista do Algarve»”, Revista Colóquio/Letras, nº 142, Out. 1996, p. 111-119 [Em linha: julho 2013]. Disponível na WWW:<URL:

http://coloquio.gulbenkian.pt/bib/sirius.exe/issueContentDisplay?n=142&p=111&o=r>

(2)  FONSECA, Fernando Venâncio Peixoto da - “Crónica da conquista do Algarve: edições restituída e crítica, anotadas, pelo Prof. Fernando Venâncio Peixoto da Fonseca”, in “Boletim de trabalhos histórico”, Arquivo Municipal Alfredo Pimenta, Vol. XXXVIII, 1987, pp. 206-240 [Em linha: julho 2013]. Disponível na WWW:<URL:

http://www.amap.com.pt/static/uploads/p/bth/1987/bth1987_07.pdf>

 

(3)  IDEM – “Crónica da conquista do Algarve (continuação) ”, in “Boletim de trabalhos histórico”, Arquivo Municipal Alfredo Pimenta, vol. XXXIX, 1988, pp. 81-109 [Em linha: julho 2013]. Disponível na WWW:<URL:

http://www.amap.com.pt/static/uploads/p/bth/1988/bth1988_04.pdf>

 

(4)  HERCULANO, Alexandre - “Chronica da Conquista do Algarve”, Portugaliae Monumenta Historica. Scriptores, Lisboa, 1856, V. 1, fasc. 3. - 1861. - p. 281-420 e os cap. 5 e 6, relativos à conquista de Tavira [Em linha: julho 2013]. Disponível na WWW:<URL: http://www.univ-ab.pt/bad/22/68.html>

 

(5)  MAGALHÃES, Isabel Allegro de (coord. cient.) – “História e Antologia da Literatura Portuguesa: séculos XIII-XIV”, Fundação Calouste Gulbenkian, Lisboa, 1997, Série HALP nº 4, séc. XIII-XIV, Dezembro de 1997 [Em linha: julho 2013], pp. 22, 71-72. Disponível na WWW: <URL:

http://leitura.gulbenkian.pt/boletim_cultural/files/HALP_04.pdf>

 

(6)   SANTO AGOSTINHO, Joaquim de - “Memória Sobre uma Crónica inédita da Conquista do Algarve”, pp. 74-97, in “Memorias de litteratura portugueza”, Academia Real das Ciências de Lisboa, Lisboa, 1792-1814, tomo I, pp.74-97 [Em linha, julho 2013]. Disponível na WWW:<URL: http://purl.pt/71/2/hg-7906-v/hg-7906-v_item2/index.html>

Tags: